Respeite meu voto sign now

MOVIMENTO CONTRA A CASSAÇÃO DO DR. JACKSON LAGO
O POVO DO MARANHÃO EXIGE RESPEITO AO SEU VOTO

Está na fase final, com decisão iminente, o julgamento no Tribunal
Superior Eleitoral do processo movido pela coligação "Maranhão -a Força do
Povo", que apoiou a candidata Roseana Sarney (DEM) ao governo do Maranhão
nas eleições de 2006, pedindo a cassação do governador Jackson Lago e do
vicegovernador, Luis Carlos Porto.

O motivo alegado para justificar o pedido seria a ocorrência de abuso de
poder político (uso da administração pública em benefício dessa
candidatura).

Não é difícil demonstrar, mesmo conhecendo as sutis filigranas jurídicas,
a fragilidade das acusações. A maior parte das supostas irregularidades
ocorreu antes do dia 1º de outubro de 2006 (data do primeiro turno). O
então Governador do Estado, José Reinaldo Tavares que apoiou no primeiro
turno o candidato Edson Vidigal, seu correligionário do Partido Socialista
Brasileiro, teria celebrado convênios com prefeituras como instrumento
eleitoral.

No primeiro turno, Roseana Sarney superou Jackson Lago em 101 (cento e um)
dos 156 (cento e cinqüenta e seis) municípios beneficiados com repasses de
recursos decorrentes de tais ajustes. E, em diversos Municípios, não
favorecidos com esses convênios, a candidata Roseana Sarney foi derrotada.
Os exemplos mais concretos são os Municípios de São Luís e Imperatriz, nos
quais Jackson Lago venceu a eleição com dianteira de mais de 210.000 mil
eleitores.

No segundo turno, Roseana Sarney não conseguiu o apoio de nenhum dos
candidatos derrotados no primeiro turno. Sua votação se manteve
praticamente inalterada: 1.282.053 votos no primeiro turno e 1.295.745 no
segundo. O terceiro e quarto colocados, Edson Vidigal e Aderson Lago,
apoiaram Jackson Lago, que tendo recebido 933.089 votos no primeiro turno,
saltou para 1.393.647 votos no segundo. A diferença é praticamente
equivalente ao total de votos dos candidatos derrotados no primeiro turno.
Não há nada de ilegal ou ilegítimo nisso!

Este breve resumo dos antecedentes do processo contra o Dr. Jackson Lago
só permite uma conclusão: o processo movido contra ele é político e não
jurídico.

A candidatura de Roseana Sarney em 2006 representava a continuidade no
controle do aparelho do Estado de um grupo políticoeconômico que começou
a obter poder quando seu maior expoente, o atual Senador José Sarney, numa
reviravolta política, aliouse ao governo militar após o golpe de 1964,
tornandose desta forma governador biônico. Na verdade, quem teria sido
eleito governador pelo voto, caso não houvesse a intervenção militar,
teria sido Neiva Moreira, cuja candidatura já era dada como vitoriosa. Mas
nessa altura, Neiva tinha sido preso e depois expulso do pais, passando 15
anos no exílio.

Aliado à ditadura, Sarney comandou o Maranhão como um chefe político
absolutista, pois além do poder econômico, foi concentrando amplas
prerrogativas políticas, como a formação do maior conglomerado de
comunicação da região, o sistema Mirante, e a nomeação para os principais
cargos nos poderes e na burocracia do Estado daqueles que lhe juravam
fidelidade plena.

Como nas monarquias hereditárias, José Sarney preparou os filhos para
assegurar a continuidade do seu domínio sob o Estado, sempre amparado na
falta de democracia, de liberdade de imprensa, na construção de mitos e no
uso e abuso da maquina burocrática. Quando a abertura política permitiu
uma eleição de compromisso entre o passado autoritário e um futuro
democrático, Sarney teve o benefício do destino trágico de Tancredo Neves
para chegar à Presidência.

Desde que as eleições se tornaram, de fato, diretas, esse grupo vinha
mantendo o seu poder graças a essa forma autoritária de controle do
Estado. Assinalese, por exemplo, que as emissoras de rádio e de televisão
que funcionam nos país com prazo de concessão vencido, estão alguns das
que pertencem ao grupo Mirante.

Há alguns anos que a família Sarney está sendo investigada por
irregularidades de todo tipo (eleitorais, financeiras, administrativas)
que praticou durante décadas.

Chama a atenção que o grupo Sarney, que teve a ousadia de pedir a cassação
do governador Jackson Lago confiado em seu imenso poder, tenha um dos seus
membros, Fernando, filho do senador Sarney, sob investigação da polícia e
do Ministério Público por financiamento ilegal de campanha de Roseana
Sarney para o governo do Maranhão em 2006!

Alguém duvida, diante desta pequena síntese, de que o processo contra o
Dr. Jackson Lago é político? Alguém duvida que se trata de mais uma jogada
suja de um clã que não se resigna a aceitar a realidade de que o Maranhão,
pelo voto popular, disse que não aceita mais ser um feudo da família
Sarney?

A Justiça no Brasil está sendo observada pelo povo, que em duas décadas de
exercício do voto e da prática cotidiana da DEMOCRACIA aprendeu que O VOTO
TEM VALOR!!

A família Sarney foi destronada pelo voto popular e confia-se que a
Justiça Brasileira mais uma vez referende a vontade do eleitor não
cometendo um equívoco que certamente trará graves e imprevisíveis
conseqüências políticas para a governabilidade do Estado do Maranhão.

O VOTO TEM VALOR!!
NÃO À CASSACÃO DO DR. JACKSON LAGO!

Sign The Petition

Sign with Facebook
OR

If you already have an account please sign in, otherwise register an account for free then sign the petition filling the fields below.
Email and the password will be your account data, you will be able to sign other petitions after logging in.

Privacy in the search engines? You can use a nickname:

Attention, the email address you supply must be valid in order to validate the signature, otherwise it will be deleted.

I confirm registration and I agree to Usage and Limitations of Services

I confirm that I have read the Privacy Policy

I agree to the Personal Data Processing

Shoutbox

Who signed this petition saw these petitions too:

Sign The Petition

Sign with Facebook
OR

If you already have an account please sign in

Comment

I confirm registration and I agree to Usage and Limitations of Services

I confirm that I have read the Privacy Policy

I agree to the Personal Data Processing

Goal
0 / 50

Latest Signatures

No one has signed this petition yet

Information

Earnestine WolfeBy:
Transport and infrastructureIn:
Petition target:
Justiça Brasileira

Tags

No tags

Share

Invite friends from your address book

Embed Codes

direct link

link for html

link for forum without title

link for forum with title

Widgets